jardineiraO vídeo abaixo mostra a chegada de uma das três jardineiras encomendadas pelo Fundo Verde, que como parte do programa de mobilidade, auxiliarão no transporte interno do campus da Cidade Universitária. Cada uma possui 23 lugares e ligarão pontos de grande movimento da ilha do fundão como BRT, CT e Reitoria. O projeto terá início ainda no primeiro semestre deste ano. Em breve disponibilizaremos mais informações sobre itinerário e horário de circulação das "joaninhas", carinhosamente assim apelidadas.

Veja o vídeo aqui

SNEAKERS pink

VanNoticiaO projeto Van de Apoio à Mobilidade na Cidade Universitária-UFRJ, parte do Programa de Mobilidade do Fundo Verde de Desenvolvimento Energia e Mobilidade, iniciou suas atividades na data 02/03/2015. A Van circulará entre 9h-14 e 15h - 17h, passando por diversos pontos da Cidade universitária, inclusive BRT, Parque Tecnológico e CT2, este último somente durante o período de almoço (11h-14h), e tem como objetivo, ampliar as opções de transporte e oferecer uma alternativa ao já existente transporte interno da Cidade Universitária.

A Van possui 18 lugares e está envelopada com o logo do Fundo Verde estampado nas suas laterais e o nome do projeto na dianteira e traseira. O projeto, fruto de uma iniciativa piloto, realizada no ano passado, que transportou mais de 2 mil pessoas em um mês de circulação, durante o horário de almoço, tem grande potencial para aumentar a mobilidade no campus.

Confira o vídeo demonstrativo da Van.

Veja aqui o Projeto completo sobre as rotas e os programas de Mobilidade

 Confira as rotas:

rotas-colagem

Heel Shoes Boat Shoes

chamada ti v3O Escritório de Projetos do Fundo Verde – UFRJ está selecionando 01 (um) bolsista estudante de mestrado com experiência em Tecnologia da Informação e Sistemas de Banco de Dados para trabalhar como consultor no “Projeto Base de Dados e Monitoramento da Cidade Universitária”, que trata da estruturação de um Sistema de Monitoramento na Cidade Universitária da Universidade Federal do Rio de Janeiro, localizado na Ilha do Fundão, a partir do levantamento de uma série de dados-diagnóstico.

O projeto irá desenvolver uma base de dados com tecnologia de geoprocessamento do tipo OSG (Open Source Geospatial), importação de registros fotográficos, integração com shape files, integração com WebGIS, para o processamento, armazenamento e visualização de dados georreferenciados na web, com acesso à base de imagens de alta resolução e cobertura dos planos: recursos hídricos, energia, mobilidade, conectividade, biomassa, controle de resíduos.

Leia o documento completo: Chamada Pública nº01/2015 – Bolsista
New Balance